Esaote Clinical Solutions

Diagnóstico

A Esaote tem como objetivo fornecer diagnósticos precisos e confiáveis para satisfazer qualquer necessidade clínica. Soluções integradas para gestão de imagem e dados garantem um fluxo de trabalho seguro e organizado.

Avaliação Não Invasiva de Deformação do Miocárdio Usando Ecocardiografia Speckle Tracking (STE)

Necessidade clínica

Provou-se que a avaliação da deformação do VE por STE fornece informações incrementais em muitos ambientes clínicos. O fato de que esta tecnologia oferece a possibilidade de analisar os diferentes componentes da deformação do VE significa que ela pode fornecer informações importantes sobre a heterogeneidade transmural da função contrátil do miocárdio, que é extremamente útil para detectar estados subclínicos que são susceptíveis a evoluir para insuficiência cardíaca sistólica ou diastólica. De acordo com a literatura médica atual, a avaliação não invasiva da deformação do miocárdio pode ser efetivamente usada em muitas doenças cardiovasculares comuns que afetam a função do VE e fornecem importantes informações clínicas adicionais aos médicos.

Entre elas podemos citar:

  • INFARTO DO MIOCÁRDIO: Em doentes com infarto do miocárdio, as tensões longitudinais o Strain longitudinal é significativamente reduzido, em proporção dentro da área do infarto. Por exemplo, de acordo com Gejdal et al, os segmentos infartados podem ser detectados com grande sensibilidade e especificidade usando um valor de corte de Strain longitudinal de 15%.
  • DOENÇA ARTERIAL CORONARIANA: LV longitudinal mechanics at rest can be attenuated in patients with coronary artery disease, as the sub endocardium is the area of the left ventricle most vulnerable to the effects of hypoperfusion and ischemia.
  • VALVULAR DISEASE: O STE pode melhorar os resultados de um exame 2D padrão de ecocardiografia em doenças valvares do coração, uma vez que podem proporcionar perspectivas sobre o padrão de remodelação adaptativa e detectar a presença de disfunção cardíaca subclínica. Na verdade, devido à remodelação adaptativa do VE, tais pacientes podem permanecer assintomáticos ou minimamente sintomáticos durante um longo período, mesmo na presença de doença valvar grave.
  • HIPERTROFIA VENTRICULAR ESQUERDA: Já houve relatos de que o STE foi usado para a detecção de alterações subclínicas do miocárdio na hipertrofia ventricular esquerda, bem como para distinguir as diferentes causas da hipertrofia ventricular esquerda
  • CARDIOMIOPATIA DILATADA: Esta patologia está associada com a redução de tensões em todas as três direções, e o STE, por conseguinte, pode ser amplamente utilizado para detectá-la e organizá-la
  • ENVOLVIMENTO CARDÍACO SUBCLÍNICO EM DOENÇAS SISTÊMICAS: esta tecnologia provou ser extremamente útil na detecção pré-clínica do envolvimento cardíaco em doenças sistêmicas, como diabetes mellitus, esclerose sistêmica, etc.

Solução

Juntamente com sua moderna solução 2DSTE XStrain™, a Esaote lançou o XStrain4D, um novo método de quantificação de deformação regional. O XStrain4D fornece uma solução adicional, de fácil utilização, que o médico pode utilizar para correlacionar rápida e intuitivamente e quantificar os componentes multidirecionais da mecânica do coração relacionados com a contractilidade longitudinal e transversal em um ambiente 3D. Essa abordagem simplifica a interpretação geral dos dados, não adicionando novas despesas à aquisição e ao processamento de dados para análise.

Vantagem

O XStrain4D representa mais um passo para a interpretação da mecânica de deformação do VE.

Usando o rastreamento de boda do VE obtido com o XStrain™ 2D em vistas apicais padrão de 4 câmaras, 2 câmaras e LAX apical, o XStrain4D fornece uma imagem mais completa e intuitiva do comportamento da deformação cardíaca, proporcionando compensação temporal para as variações da frequência cardíaca, alinhamento espacial das três visualizações em espaço 3D e adaptação de um modelo de superfície dinâmico do VE.

Esta ferramenta, baseando-se em aquisições de imagem 2D de alta resolução temporal e espacial, trata e resolve as grandes limitações e situações críticas atualmente relacionadas ao uso de soluções STE 3D de volume completo. Essas limitações estão relacionadas com a qualidade da imagem (ruído aleatório) e baixa resolução temporal (taxa de volume) e espacial (tamanho do voxel), que afetam a correlação de quadro para quadro em recursos de imagem local, contribuindo para o controle miocárdio subótimo.

 

 

Tecnologia Avançada Esaote XStrain™ e XStrain4D - Video

 

Ver Vídeo no Canal do YouTube da Esaote

 

 

A tecnologia e as funcionalidades dependem do sistema e da configuração. As especificações poderão estar sujeitas a mudanças sem aviso prévio. As informações podem se referir a produtos ou modalidades ainda não aprovadas em todos os países.
Para mais detalhes, por favor entre em contato com o seu representante de vendas da Esaote.

This page uses cookies. Visiting this web site, you approve the use of cookies. For more information about the use of cookies in this web site, please click on “More information”. I agree More information